Preparados para um ano próspero?

Dias difíceis serão uma condição inevitável em nossas vidas profissionais daqui por diante, mas a grande questão é ‘como’ vamos encarar tudo isso em 2020. Entramos no mês de novembro e, a partir de agora, contamos os dias para o novo ano, que traz consigo novas perspectivas e possibilidades. Um novo ciclo vem sempre carregado de esperanças e, independente dos desafios de todo empresário, temos a obrigação de planejá-lo com bases sólidas e realistas, já que isso minimiza as dores de cabeça que são parte do pacote de incertezas.

Você já começou a desenhar o próximo ano? Pense nas seguintes questões fundamentais:

  • Quanto minha empresa vai vender, para quem vai vender e como vai vender, ou seja: quais produtos, volumes, clientes e canais de distribuição;
  • A minha estrutura interna de pessoas, máquinas, equipamentos e parceiros, está adequada a esta necessidade?
  • Tenho em mãos uma base sólida de informações para medir os resultados, os custos, os preços, o fluxo de produção ou da necessidade de produtos, os estoques, e outras estatísticas importantes para gerenciar tudo isso?
  • Tenho ao meu lado um time de alta performance, que pode me auxiliar a encarar os desafios propostos?
  • O que eu preciso fazer para qualificar a minha equipe para este novo ciclo?
  • Como vou buscar os recursos necessários para sustentar minhas estratégias?

Estas são algumas das várias perguntas que precisam de respostas e, se você se identificou com os questionamentos acima, não deixe para refletir sobre tudo isso em janeiro, já que o planejamento é uma das qualidades de todo bom empreendedor e a procrastinação é uma das principais armadilhas dos negócios.





Você gostou? Compartilhe com seus amigos