Artigos

Acorde, ainda dá tempo!

Vamos falar de política, analisando o contexto atual? Vamos falar de economia? Vamos falar dos desafios de tocar um negócio? E dos problemas domésticos? Algum outro tema estimulante? Neste exato momento, estou certo de que muitos começarão a me xingar. Essa provocação é só para demonstrar que muitos de nós estão cansados das mesmas coisas, do mesmo ‘blá-blá-blá’, por mais que tudo isso faça parte da nossa rotina. Analisando esse cenário, o que você tem feito para recarregar as energias e ‘tocar o barco’?

Diante de tantas incertezas e da sensação de que as coisas não saem da inércia, o que podemos fazer para manter a motivação, com energia para fazer mais e melhor? Você está esperando uma receita mágica? Desculpe, mas não existe!

Sendo bem sincero, a grande pergunta que cabe aqui é: o que você faz com o seu tempo livre? Como você ocupa a sua mente? O que você está semeando?

Você não quer ir na contramão do que o mundo está buscando, certo? Afinal não pode ficar pra trás, pois será julgado pela embalagem, e não pelo conteúdo. Que mundo cruel, certo? Então vamos mostrar alguns passos para que você entre nessa ‘vibe louca’ e fique num círculo vicioso:  

Entre na onda massificada em que a chave para a qualidade de vida é absorver mais e mais conhecimento, visto que a velocidade com que somos bombardeados com informação é cada vez maior e você precisa ser uma ‘supermáquina’, pois isso fará diferença nas suas relações e no seu trabalho. 

Segundo aspecto fundamental: deixe tudo o que você ama de lado, pois dinheiro e conhecimento são mais importantes. Viva o seu mundo, com suas convicções, desrespeitando tudo e todos, agindo unicamente para alcançar os seus objetivos, pois é isso que importa.

Preocupação com os outros? Pra quê? Cada um é dono do seu nariz e tem competência para lidar com os mais variados problemas que a vida impõe. Assistir televisão compulsivamente ajuda bastante, pois nos enche de informações que nos impulsionam a tomar decisões sem raciocinar.

Redes sociais são a única coisa que você tem na vida, afinal as relações virtuais são repletas de fotos maravilhosas e momentos únicos que mostram que a vida dos outros é sempre bela e que essa utopia de que a vida não tem problemas é muito melhor do que ter relações de verdade.

Valores de família? Honrar pai e mãe? Tá de brincadeira! E por aí vai...

Sim, peguei pesado, pois essa é a receita para ter uma vida repleta de ansiedade e tristeza. Assim, além de conquistar muita insatisfação você vai perder aos poucos tudo o que há de mais importante na sua vida.

Resumindo: quanto tempo você está perdendo correndo atrás do vento, ocupando a sua mente com questões que não agregam e só trazem mais ansiedade, angústia e preocupação? Cultive coisas boas, dedique-se ao próximo, cuide da sua saúde, dedique-se a sua família, respire. Se não há como fazer tudo o que você gostaria, busque algo que traga satisfação verdadeira. Como não temos a competência para determinar a quantidade de tempo que passaremos aqui nesta terra, por que não escolhemos melhor, já que temos o poder de escolha?

Você constrói o seu presente com ações realizadas lá atrás e construirá o seu futuro mudando suas ações hoje. Você quer paz, motivação, satisfação em todos os aspectos, sabedoria, qualidade de vida, uma família feliz, entre outros, mas faz tudo para atrair o contrário? Não pensou nisso? Não tem tempo para refletir sobre alguns aspectos da sua vida? Acorde, pois ainda dá tempo!

 

Autor do post: Uilker Benkendorf, consultor, coach e diretor da Florença Empresarial

Você gostou? Compartilhe com seus amigos